SERÁ QUE EU PRECISO DE UM ARQUITETO?

photo_48031_20151026.jpg

Se tem uma pergunta que já ouvimos bastante é exatamente essa: mas será que eu preciso mesmo de um arquiteto?

Com certeza, a partir do momento em que você começa a buscar por um terreno ou por um apartamento, milhares de ideias começam a brotar na sua cabeça. E, então, quando você já os têm em mãos, é hora de materializar todas essas ideias nesse espaço "em branco".

Mas você já teve que pagar por esse espaço, assim como terá que pagar por todos os materiais, mão de obra, peças, mobiliário, equipamentos... Será que vale mesmo a pena ter o custo de ainda mais um profissional?

Acredite: não apenas vale a pena, como é imprescindível.

Algum tempo atrás conversamos com diversas pessoas que passaram de maneiras e em momentos diferentes por processos de construção e reforma, e todas elas nos disseram a mesma coisa: contratar um arquiteto foi fundamental. A maioria delas, inclusive, também pensou, à princípio, que pudesse ser apenas um gasto extra, mas viram ao final o quanto esse valor investido foi pouco se comparado com os ganhos que tiveram. E, além de tudo, o valor investido no arquiteto gerou uma grande economia na obra.

A formação do arquiteto é extremamente ampla. Entendemos da técnica, da estética e podemos dizer que somos até um pouco... psicólogos! Projetar uma casa não é apenas erguer algumas paredes, nos atentando a medidas padrão do código sanitário e de uma lista de fornecedores. Projetar uma casa é edificar o abrigo de uma família, o local onde passarão, provavelmente, a maior parte de suas vidas, onde todos os dias farão tarefas que se repetem, mas onde também precisam ter a possibilidade de executar tarefas novas. É entender que cada pessoa come de maneira diferente, então uma cozinha não vai ser igual à outra. Cada pessoa gosta de fazer uma atividade diferente para relaxar, então uma casa pode precisar ter uma sauna, outra um estúdio de música, e outra apenas um local gostoso pra esticar as pernas depois de um dia agitado. Existem pessoas que são mais resguardadas e famílias que querem ocupar o ambiente com o máximo de espaço comum possível.

Mas além desses pequenos pormenores, que são a real edificação dos cômodos da casa, o arquiteto saberá posicioná-los perfeitamente no seu terreno. Será que é preciso fazer uma terraplanagem, ou podemos trabalhar em níveis? Onde o sol nasce e onde ele se põe - quais cômodos ficam de qual lado. Pra onde está a vista mais bonita? Da onde o vento vem? Qual a melhor maneira de circular por essa casa? O que precisa estar mais reservado e o que pode estar mais exposto? As janelas precisam seguir um padrão? Talvez janelas feitas sob medida para a sua casa tragam um ganho imenso.

O arquiteto sabe dosar a técnica e a estética, utilizando-as da melhor maneira possível ao estilo de vida e ao orçamento do cliente. Se as pessoas são diferentes, com certeza nenhuma casa será igual.

Um projeto, também, tem muitas etapas e muitos detalhes. O arquiteto saberá te direcionar tudo isso. Seu projeto precisa ser aprovado apenas na prefeitura? Em um condomínio? Tem alguma restrição?

Até questões como: qual o melhor tipo de piso para cada ambiente? A resposta exata não está num manual, ela vem a partir de uma análise aprofundada de um todo. A janela vai sempre ficar no meio da parede? Não necessariamente.

E por que dizemos que investir num arquiteto traz economia na obra? Porque a partir de um projeto feito com tanta atenção, podemos antecipar muitas complicações que podem surgir ao longo do tempo e isso, inicialmente, economiza algo precioso: o tempo. Fazer escolhas acertadas de revestimentos e pedir as quantidades corretas evitam desperdício. Considerar, em projeto, estratégias simples de conforto ambiental podem auxiliar, lá adiante, à sua conta de energia ser menor - afinal, você pode precisar usar menos ar condicionado ou aquecedores.

O papel do arquiteto é plural. Está para além de simples desenhos em papel. É ele que vai saber entender e traduzir seu modo de viver, seus desejos, seu orçamento, e traduzi-los da melhor maneira possível, dando suporte por todas as etapas dessa tradução e o auxiliando a fazer as melhores escolhas.